Amigo

Correm os anos
Rios de água viva
Marcam o rosto

Olho para ti
Conheces o meu nome
Sabes quem eu fui

Na dor, no riso
Nos sonhos que se cumprem
Na desilusão

No dia que foi
No que nunca irá ser
No que está pra vir

Preciso de ti
Amigo como irmão
Abraço fiel

EV

6 comentários:

  1. Malta parabens pelo novo layout...
    Continuem!
    Este é um blog por onde vale a pena passar!
    Abraço

    ResponderEliminar
  2. Ricardo C.14.3.07

    Voces tão la!!!
    Muito Fixe!gostei de ler!!
    um abraço no coração

    ResponderEliminar
  3. Pedro Neto14.3.07

    Porque é que ler alguma coisa deste caramelo me dá saudades dos tempos em que eu estive mais próximo de ser um yupi com um emprego num gabinete, em Lisboa, como consultor (como se um puto pudesse aconselhar alguem)??? E todos os dias estar nas filas da 2ª circular ou entao no quentinho aconchegado cheiro a suor dos transportes publicos que os politicos aconselham mas nao sabem o que é??? hein????

    Bom, saudades que passam depressa... mas sobretudo, há pessoas que estão e são na nossa vida mesmo que longe fisicamente e para além disso... somos a prova de que os guerreiros de J.C. podem-se unir e enriquecer-se nas suas diferenças... amar-se convictamente sem essas coisas de o sino da minha capelinha é mais lindo có teu... até pq voces n tem sino! eheheh!!!

    Um grande abraço para o bloq há aí cus mais insignificanete do mundo!!!

    Pedro

    ResponderEliminar
  4. Novo Recorde
    Cinco belas tríades
    Grande estilo

    E onde está
    A gata brasileira
    É o desafio

    JV

    ResponderEliminar
  5. Pedro Neto,

    és um cromo. Gosto de ti, puto. Apesar de seres um romano...mas um dia verás a luz e perceberás que a Reforma ainda hoje está em curso...

    Grande abraço,

    EV

    ResponderEliminar
  6. Anónimo22.3.07

    muito bom
    abraço
    ruben reis

    ResponderEliminar